Escrever Bem

   
Pautas INCorporativa
FB   SetaRANKING SetaSala de imprensa SetaBusque Assessorias
 
 
Release
Bookmark and Share      

20/06/2017 - 08:22 - #Mac Comunicação e Marketing
A importância da Embratur se tornar uma agência de turismo
A importância da Embratur se tornar uma agência de turismo - #MAC COMUNICAÇÃO E MARKETING


Segundo estudo do World Travel & Tourism Council (WTTC) que acaba de realizar seu congresso anual em São Paulo, o Turismo é um dos setores que mais empregam no mundo. No ano passado, por exemplo, foram ocupados 108 milhões de empregos diretos ...

Siga as #pautas no Facebook e Twitter         www.pautas.incorporativa.com.br

Segundo estudo do World Travel & Tourism Council (WTTC) que acaba de realizar seu congresso anual em São Paulo, o Turismo é um dos setores que mais empregam no mundo. No ano passado, por exemplo, foram ocupados 108 milhões de empregos diretos e um total de 292 milhões entre diretos e indiretos preenchidos no segmento do turismo em todo o mundo.

Com esse perfil empregatício, o turismo se coloca à frente da indústria automotiva (16 milhões de empregos), do setor bancário (30 milhões), da mineração (28 milhões), área química (20 milhões) e do sistema financeiro (62 milhões). A análise desses números registra que o Turismo gera quatro vezes mais vagas que a indústria química e seis vezes mais que a produção de automóveis.

O setor gerou US$ 7,6 trilhões para o Produto Interno Bruto (PIB) mundial, ou 10,2% do total, contribuindo mais do que os bancos (US$ 4,8 trilhões), mineração (US$ 5 trilhões), agricultura (US$ 5,8 trilhões), automóveis (US$ 6,1 trilhões) e setor químico (US$ 6,5 trilhões). O Turismo é superado apenas pelos segmentos de construção (US$ 10,3 trilhões), financeiro (US$ 14,5 trilhões) e varejo (US$ 18,1 trilhões).

Para se ter uma idéia da importância do setor nos três continentes americanos, o Turismo é responsável pela geração de 42 milhões de postos de trabalho nas Américas. Ao todo, o setor gera um movimento na economia de US$ 2,2 trilhões, abaixo apenas dos setores de construção, financeiro e varejo na região.

No ano passado o Brasil, com sua tradicional propaganda de mau gosto de mulheres nas praias, no carnaval e sempre com destaque para o Rio de Janeiro, atraiu ao país cerca de 6,6 milhões de estrangeiros, segundo cálculos do governo. Outros países com largas atrações turísticas, como o México, recebeu 35 milhões de visitantes. Para sairmos desse patamar, que perdura há anos, é preciso investir em promoções das diversidades brasileiras, uma vez que cada turista internacional injeta, em média, mil dólares nos segmentos de hospedagem, gastronomia e prestadores de serviços, três grandes geradores de empregos.

Com a restrição orçamentária que têm as autarquias (modelo atual da Embratur), os investimentos para promoção turística internacional caíram de US$ 112 milhões, em 2011, para US$ 17 milhões, no último ano. Enquanto a Argentina investiu US$ 60 milhões, a Colômbia US$ 100 milhões e o México US$ 400 milhões.

O Ministério do Turismo estabeleceu a meta de atrair 12 milhões de turistas de outros países até 2021 e com isso gerar receita de US$ 19 bilhões. Essa meta só poderá ser alcançada com uma grande transformação da Embratur em uma entidade com controle governamental, mas com modelo jurídico de serviço social autônomo. Ou seja, a proposta permitirá que, ao invés de ficar restrita totalmente aos repasses da União, a Embratur possa fazer convênios, e buscar outras fontes de recursos no imenso setor privado interessado no turismo.

Além disso, os responsáveis pelo turismo no Brasil precisam, também, divulgar nossas cidades históricas, de águas termais, o turismo de aventura, a arquitetura colonial, as fazendas de turismo rural, nossos museus, o turismo econômico e cultural e as festas folclóricas e religiosas em todo o país.





Data de inclusão: 20/06/2017
Fone: (11) 5521-3483
Contato: Raul Machado
Empresa: #Mac Comunicação e Marketing
Entrar em contato: Entrar em contato
Grupo editorial: [Negócios-Oportunidades][Redes Sociais][Transporte-Turismo]
Este Release foi visto 438 vezes

Assessoria de Imprensa
LOGIN -  Inserir Release
Cadastrar Assessoria
Receber Clipping

 

saibamais

 

Clipping para Editores
Cadastrar Midia
Alterar cadastro de Midia
egoi
 
Alguns veículos cadastrados no clipping:
midias
 
 
 
 
 
 
  editora  

INCorporativa Comunicação

Publique seu livro - Saiba mais
   
       
       
       
 
       
 
Institucional
Quem Somos
Política Privacidade
Como funciona
 
Nas Redes Sociais  
Facebook Twitter
Linkedin ME Adiciona
 
Todo o conteúdo divulgado decorre de informações advindas das fontes mencionadas, sendo, portanto, de responsabilidade exclusiva da fonte ou do autor, não cabendo à INC Comunicação, à Revista ou Pautas INCorporativa responsabilidade por citações, teor, exatidão ou veracidade do conteúdo, produto ou serviço divulgado. Indicação de publicações são apenas para divulgação, não sendo avaliados por este veículo de comunicação.