Escrever Bem

   
Pautas INCorporativa
  SetaSALA DE IMPRENSA FB
 
 
Release
Bookmark and Share      

17/04/2018 - 14:21 - Talk Assessoria de Comunicação
Smart City Expo Curitiba abriu o debate internacional sobre cidades inteligentes no Brasil
Smart City Expo Curitiba abriu o debate internacional sobre cidades inteligentes no Brasil - TALK ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

Especialistas nacionais e internacionais mostraram como o cidadão deve ser o principal agente transformador da sociedade ...

Siga as #pautas no Facebook e Twitter         www.pautas.incorporativa.com.br
Sob a chancela do iCities e da FIRA Barcelona, o Smart City Expo Curitiba 2018 marcou a maior jornada de debates já realizada no Brasil sobre cidades inteligentes, com cerca de cinco mil participantes em torno do tema “Inovação como motor do desenvolvimento econômico”. Os pontos mais importantes abordados por 84 palestrantes nacionais e internacionais estão detalhados no relatório oficial divulgado nesta quinta feira, 12 de abril. O documento completo pode ser acessado aqui (em inglês) e aqui (em português).

Em dois dias, 28 de fevereiro e 1º de março, Curitiba foi a vitrine nacional de projetos, soluções e ideias sobre tecnologia, sustentabilidade, mobilidade e inovação, que buscam oferecer cidades completas e mais preparadas para atender às demandas atuais de seus moradores.

O congresso – a primeira edição brasileira do maior evento mundial sobre cidades inteligentes – recebeu participantes de 25 países, entre eles dezenas de gestores de cidades de toda a América Latina, consultores, representantes de empresas, órgãos públicos e organizações não governamentais.

Entre as discussões que mais mobilizaram as atenções, destaca-se a ideia das cidades sensíveis, trazida pelo professor italiano Carlo Ratti, do Senseable City Lab, do MIT, dos Estados Unidos. De acordo com ele, o ser humano deve estar no centro das discussões envolvendo as cidades. “Mais compartilhamentos trazem menos problemas”, resumiu ele, ressaltando como o conhecimento fortalece o poder da sociedade de transformar a sua realidade.

A colaboração também esteve no centro da discussão proposta pela diretora do projeto Replenish Earth, Tia Kansara. Ela mostrou ao público que tecnologias que parecem distantes do público, como o blockchain, podem transformar a vida dos cidadãos, trazendo os benefícios de uma sociedade mais transparente e colaborativa.

A partir desse pensamento, os palestrantes também discutiram de que maneira é possível garantir um futuro sustentável para o planeta. O jornalista brasileiro André Trigueiro, uma das referências sobre o tema, apresentou exemplos de utilização de energias renováveis, uso inteligente do lixo e modelos de transporte público limpos e eficientes. Além disso, mostrou como a ineficiência na utilização dessas soluções e na criação de um planejamento concreto para as cidades prejudica a população.

O Smart City Expo Curitiba também trouxe ao centro do palco alguns dos principais atores nesse papel de transformação: os prefeitos. O Painel dos Prefeitos, liderado por Jonas Donizete, Silvio Barros e Felício Ramuth, gestores de Campinas, Maringá e São José dos Campos, respectivamente, tratou das experiências e das principais dificuldades em tornar uma cidade verdadeiramente inteligente. Eles ressaltaram que os cidadãos devem fazer parte desse processo por meio da difusão do uso de tecnologias, do compartilhamento de informações e da devida capacitação do público nesse processo.

“Eu, como prefeito, posso conduzir os trabalhos que mostram os números de um alto desenvolvimento de acordo com os dados, como criar muitos quilômetros de calçadas. Mas não adianta investir nisso se as condições forem ruins e se a ´caminhabilidade´ for baixa. Eu preciso atender às demandas com qualidade e entender o perfil do cidadão visando a atender as necessidades reais da população”, disse Edgar Eduardo Mora Altamirano, prefeito de Curridabat, na Costa Rica.

Colocar as pessoas em primeiro plano tornando-as parte dessa transformação nas cidades também foi a grande tônica de outros painéis principais e paralelos que discutiram políticas e serviços públicos, liderança, tecnologias disruptivas, governo colaborativo e participação cidadã, economia sustentável, ecossistema de startups e inclusão social.

“Mais democracia e menos desigualdade é a fórmula para cidades mais sustentáveis e justas para todas. É a cidade que queremos”, disse Jorge Luiz Numa, coordenador do Programa Cidades Sustentáveis, resumindo aquilo que o evento procurou discutir ao longo de dois dias.

Um sonho que tem raízes nos anos 70

A cerimônia de abertura, no Expo Renault Barigüi, contou com a presença de autoridades e organizadores do evento. Beto Marcelino, representando o iCities fez a fala inicial, agradecendo as parcerias e apoios para a realização da primeira edição do congresso de smart cities no país, cujas ideia e planejamento tiveram início em Barcelona, em 2014.

Na sequência, o presidente da Fira Barcelona, Ricard Zapatero, enfatizou a importância da edição do Smart City Expo para Curitiba, que passa a fazer parte de um seleto grupo de cidades mundiais que se debruçam em criar e pôr em prática soluções inteligentes de urbanismo para melhorar a vida dos cidadãos. O espanhol lembrou também que a trajetória de Curitiba para tal feito vem desde o histórico projeto de planejamento urbano iniciado na década de 1970 pelo urbanista Jaime Lerner, então prefeito da capital.

Presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e prefeito de Campinas (SP), Jonas Donizette enalteceu o pioneirismo de Curitiba como primeira cidade brasileira a ser reconhecida como Smart City, adaptando uma frase do ex-presidente Juscelino Kubitschek de que “aqueles que abrem caminhos novos correm o risco de receber picadas de cobras, mas que em seu traçado as borboletas alçarão voo”.

A cerimônia de abertura foi encerrada com a fala do prefeito de Curitiba, Rafael Greca, que sucedeu o jovem aluno Fernando Henrique Cardoso, da Escola Municipal Herley Mehl, embaixador do futuro que representou os estudantes curitibanos. Greca rememorou a tradição de Curitiba no pioneirismo tanto na educação – cidade da primeira universidade do Brasil, em 1912 – quanto na inovação, com o projeto Fde bibliotecas Farol do Saber – em atividade há 25 anos.

O prefeito ressaltou que receber o Smart City Expo é mais do que replicar no Paraná o exemplo de Barcelona: é uma aposta na cultura da inovação como fomento de uma nova economia criativa, geradora de oportunidades de desenvolvimento social. “Inovação vira cultura. Essa é a lição das cidades inteligentes: o que não se compartilha se perde”, finalizou Greca.



Sobre o Smart City Expo Curitiba

O Smart City Expo Curitiba (www.smartcityexpocuritiba.com) foi a primeira edição brasileira do Smart City Expo World Congress (www.smartcityexpo.com/), realizado anualmente em Barcelona, e que é o maior evento global sobre o tema de Cidades Inteligentes, reunindo mais de 18 mil pessoas de 120 países durante 3 dias. O evento já ocorre anualmente em outras cidades ao redor do mundo como Kyoto (Japão), Montreal (Canadá), Puebla (México), Casablanca (Marrocos), Istambul (Turquia), Bogotá (Colômbia) e recentemente em Buenos Aires (Argentina).

Curitiba foi anunciada oficialmente como sede brasileira, em Barcelona, em novembro, durante o encontro mundial das Cidades Inteligentes, em cerimônia que contou com representantes de 700 cidades de todo o mundo e mais de 400 especialistas.

O Smart City Expo Curitiba tem a chancela da FIRA Barcelona Internacional - consórcio público formado pela Prefeitura de Barcelona, Governo da Catalunha e Câmara de Comércio de Barcelona, e conta com organização do iCities, apoio estratégico do World Trade Center Business Club e participação da Prefeitura de Curitiba. Saiba mais em https://www.smartcityexpocuritiba.com/.

Sobre o iCities

Com sede em Curitiba, o iCities atua de forma pioneira no Brasil desde 2012 em projetos e soluções para cidades inteligentes. Consulte o site http://www.icities.com.br/
Data de inclusão: 17/04/2018
Fone: (41) 30185828
Contato: Wellington Johann
Empresa: Talk Assessoria de Comunicação
Entrar em contato: Entrar em contato
Grupo editorial: [Administração][Negócios-Oportunidades][Sustentabilidade ]
Este Release foi visto 1093 vezes

Assessoria de Imprensa
LOGIN -  Inserir Release
Cadastrar Assessoria
Receber Clipping

 

saibamais

 

Clipping para Editores
Cadastrar Midia
Alterar cadastro de Midia
 
 
 
 
 
 
 
 
  editora  

INCorporativa Comunicação

Publique seu livro - Saiba mais
   
       
       
       
 
       
 
Institucional
Quem Somos
Política Privacidade
Como funciona
 
Nas Redes Sociais  
Facebook Twitter
Linkedin ME Adiciona
 
Todo o conteúdo divulgado decorre de informações advindas das fontes mencionadas, sendo, portanto, de responsabilidade exclusiva da fonte ou do autor, não cabendo à INC Comunicação, à Revista ou Pautas INCorporativa responsabilidade por citações, teor, exatidão ou veracidade do conteúdo, produto ou serviço divulgado. Indicação de publicações são apenas para divulgação, não sendo avaliados por este veículo de comunicação.