Escrever Bem

   
Pautas INCorporativa
FB   SetaRANKING SetaSala de imprensa SetaBusque Assessorias
 
 
Release
Bookmark and Share      

25/05/2018 - 17:47 - #Verbo Nostro Comunicação Planejada
Cerca de 25 mil pessoas passam pelo quinto dia da Feira Nacional do Livro
Cerca de 25 mil pessoas passam pelo quinto dia da Feira Nacional do Livro - #VERBO NOSTRO COMUNICAÇÃO PLANEJADA

Pedro Bandeira, Elisa Lucinda, Renato Janine, Mary Del Priore foram destaques do dia – com muito debate e efervescência cultural para os locais do evento
 ...

Siga as #pautas no Facebook e Twitter         www.pautas.incorporativa.com.br
Ribeirão Preto (SP), 25 de maio de 2018 - O quinto dia da 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto contou com atrações especiais e atraiu quase 25 mil pessoas para o Quarteirão Paulista e outros pontos da cidade. Logo pela manhã desta quinta-feira (24), o Teatro Municipal recebeu o escritor Pedro Bandeira para a atividade do Projeto Combinando Palavras, voltado a alunos da Fundação Educandário, a partir das 8h30. No Theatro Pedro II, o encontro dos estudantes da rede estadual de ensino foi com a atriz e poeta, Elisa Lucinda.

O escritor infantojuvenil Pedro Bandeira, que é um dos mais vendidos no país, sempre participa da Feira do Livro, trazendo alegria para estudantes que interagem com ele e fazem perguntas sobre suas obras e vida. Bandeira contou que seu amor pela literatura começou na infância, quando teve oportunidade de ler grandes clássicos. “Eu fui um menino muito sozinho. Então, eu chegava em casa e lia, porque não tinha televisão”. Ainda garoto, ele lia gibis e livros do Monteiro Lobato. “Era minha televisão da época. Vários escritores me inspiraram, mas Monteiro Lobato foi meu pai”. O autor também explicou aos alunos as suas principais motivações para escrever e falou sobre o reconhecimento em produzir histórias. “O sentimento que mais me inspira é a esperança em vocês crianças e jovens. Por isso eu vivo: para que vocês sejam felizes. Esse sempre será meu motivo. Isso é o que me importa”.

Já quem assistiu à atividade do Combinando Palavras com Elisa Lucinda, pôde ouvir ao discurso de força, luta contra o preconceito e o grito de liberdade que a atriz e poeta trouxe em alto e bom tom para Ribeirão Preto, ecoando pelos quatro cantos da feira. O encontro foi marcado por muita emoção por parte dos alunos e da própria escritora. Elisa demonstrou-se muito atenta às homenagens e apresentações, interagiu com os alunos, cantou, dançou, interpretou poemas e trouxe uma aula de cidadania para os estudantes. “Podem ter certeza, a 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto pode dar aula para o país”. Sobre a sua participação no projeto, a poeta disse que, sem essa homenagem da feira, não sabia que era tão grande. “Saibam que a palavra é uma arma. Eu sou negra e só estou hoje aqui por conta da palavra”. Ao final, ela declarou: “Se minhas palavras continuarem depois que eu morrer, vou ser eterna”.


Alguns destaques do dia

Ainda pela manhã, no auditório da ACIRP (Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto), o bate-papo foi para adultos e girou em torno do tema empreendedorismo, com a participação da jornalista Cristiane Correa, autora do livro Sonho Grande – sobre os empresários Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira (ABInbev, Lojas Americanas, Burger King e Kraft Heinz) – obra lançada em mais seis países. A escritora mencionou que o empreendedorismo atual está robotizado. “Tem gente que acha que isso é para todo mundo, que vai ser rápido e fácil ficar rico. Não é bem assim. Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sucupira demoraram anos para conseguir isso”, comentou. Cristiane contou histórias de sua experiência como autora e disse que percebeu com suas produções, que o que move grandes empreendedores não é o dinheiro e sim fazer algo novo, diferente e grande. “Grandes empreendedores não estão preocupados com o dinheiro. Eles querem fazer algo que fique”. A escritora afirmou ainda que sua missão é levar essas histórias da maneira mais sincera possível, para que as pessoas possam aplicar os exemplos nas suas vidas”.


Clássicos da Minha História

A Feira do Livro também recebeu nesta quinta (24) o autor Renato Janine Ribeiro para a Sessão Clássicos da Minha História com o tema “Augusto Matraga, a Salvação pelo Porrete”, da obra Sagarana de Guimarães Rosa, no Auditório Meira Júnior. O professor e ex-Ministro da Educação, também participou na quarta-feira (23) de uma conferência que lotou o Theatro Pedro II. Segundo o autor, o senso de justiça e a ideia de honra na vida de Matraga vira um conflito, porque a honra está ligada à intimidade, “mas era, antigamente, no sentido de não levar desaforo para casa”, explicou. Para ele, a síntese de Augusto Matraga é de um homem de guerra com alguns pontos de martírio e ao final, torna-se um guerreiro do bem.

Além de analisar a obra, Janine deixou um recado para plateia: “quando vocês escolherem uma carreira profissional, têm que assistir sobre outras áreas, porque às vezes seu futuro pode estar na sala do lado”.

Às 16h30, quem subiu ao palco do Meira Júnior foi a escritora Elisa Lucinda, que tirou aplausos novamente do público e não poupou o discurso contra o racismo, contra o governo, a corrupção e várias questões que envolvem o cenário brasileiro. “No nosso tapete não cabe mais hipocrisia”, comentou. A atriz e poeta, afirmou que sua poesia está alerta o tempo todo. “Sou uma negra livre e ¨boto¨ para quebrar. Acho chiquérrimo ser negra”. Questionada sobre o que é negritude, ela expressou que é uma força. “Ser negro é ter porte, ancestralidade, molho, poderes – já que o negro é acessado à religiosidade. Acho altivo ser negro”.

À noite, quem encerrou a programação, na sala principal do Theatro Pedro II, foi a autora Mary Del Priore que aproveitou a vinda do escritor Pedro Bandeira e o convidou para participar de sua conferência. Ela é autora de 49 livros de História do Brasil, vencedora de mais de 20 prêmios literários nacionais e internacionais, inclusive três Jabutis.

Programa para toda família

Quem passou pelos arredores da feira, pôde encontrar muita arte pelo caminho. O espetáculo de teatro “Cordel do Amor Sem Fim” com a Trupe Sinhá Zózima, promovido pelo Sesc foi um dos pontos altos da agenda cultural. A peça, que narra histórias do universo interiorano, chamou a atenção por ser apresentada dentro de um ônibus itinerante, com saída na Rua Duque de Caxias, próximo ao Theatro Pedro II


18ª Feira Nacional do Livro

Um dos maiores eventos culturais do país, a Feira Nacional do Livro completa 18 anos e acontece até o próximo domingo (27). Com o tema “As Histórias que os Livros Contam e as Leituras que a Gente Faz”, a programação conta com atividades gratuitas entre salões de ideias, conferências, sessões Clássicos da Minha História, palestras, mesas-redondas, oficinas, shows, espetáculos infantis, performances, contações de histórias, entre outras.

Neste ano, a programação não só lança diversas novidades, como as Sessões Clássicos da Minha História, conferências com o tema da feira baseadas em livros clássicos e espetáculos musicais inéditos, entre outras. Uma programação bem variada, com cerca de 250 atividades culturais - com atrações para todos os públicos e idades - e participação de grandes estrelas da literatura nacional para Ribeirão Preto.

Homenageados
Como em todos os anos, a Feira do Livro egahomenagem a um país – e o escolhido foi Uruguai. Quanto aos autores celebrados, o escritor principal é Sérgio Buarque de Holanda; o autor educação é Antonio Candido; a autora infantojuvenil é Marina Colasanti; autor local, Camilo Xavier e a professora homenageada, Heloisa Martins Alves. Como patrono, a direção da feira indicou o advogado Sérgio Roxo da Fonseca.

Realização
O Ministério da Cultura, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura, Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto, Alta Mogiana, GasBrasiliano e Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto apresentam a 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto com Patrocínio Ouro Alta Mogiana - Açúcar, Etanol e Energia e Gás Brasiliano. Patrocínio Prata Ambient, Centro Universitário Estácio de Ribeirão Preto, Grupo São Francisco e Savegnago Supermercado. Patrocínio Bronze Grupo Maubisa, Pedra Agroindustrial e Ribeirão Shopping Patrocínio ACIRP - Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto, Madeiranit, Passalacqua e Via Brasil Seminovos. Instituição Cultural Parceira SESC - Serviço Social do Comércio. Parceiro Cultural Fundação Dom Pedro II e Theatro Pedro II, Immaginare Escola de Criação e Design, Santa Helena, Senac - Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, SESI – Serviço Social da Indústria, Grupo Thathi de Comunicação e Unaerp – Universidade de Ribeirão Preto. Apoio Cultural Centro Universitário Barão de Mauá, Centro Universitário Moura Lacerda, Estevan Soares, Heurys Tecnologia, Monreale Hotel - Ribeirão Preto, NW3 Comunicação, Verbo Nostro Comunicação Planejada, EPTV, Jornal A Cidade, Rádio CBN, G1 e A Cidade On. Apoio Secretaria Municipal da Cultura, Secretaria Municipal da Educação, Teatro Municipal de Ribeirão Preto, Centro Cultural Palace, Diretoria de Ensino Região de Ribeirão Preto, Câmara Municipal, Biblioteca Altino Arantes e Fundação Educandário, Colégio Marista, Biblioteca Padre Euclides, Colégio Auxiliadora, OAB, Sincovarp-Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto, Macboot, Usina São Martinho, Grupo Utam, IPCCIC - Instituto Paulista de Cidades Criativas e Identidades Culturais, Ribeirão Preto Film Comission, Recicla Bytes, Coderp, Daerp, Transerp, Corpo de Bombeiros, Guarda Civil Municipal e Polícia Militar. Realização Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, Prefeitura Municipal, Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura, Ministério da Cultura, Brasil – Governo Federal.

Sobre a Fundação

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos. Trata-se de uma evolução da antiga Fundação Feira do Livro, criada em 2004, especialmente para realizar a Feira Nacional do Livro da cidade. Hoje, é considerada a segunda maior feira a céu aberto do país. Com uma trajetória sólida e projeção nacional e internacional, a entidade ganhou experiência e, atualmente, além da Feira, realiza muitos outros projetos ligados ao universo do livro e da leitura com calendário de atividade durante todo o ano. A Fundação se mantém com o apoio de mantenedores e patrocinadores, com recursos diretos e advindos das leis de incentivo, em especial do Pronac e do Proac.


Atendimento à Imprensa

Verbo Nostro Comunicação Planejada – (16) 3632-6202 / 3610-8659
Jornalistas responsáveis:
Luciana Grili (16) 99152 2707 (luciana@verbo.jor.br)
Andrea Berzotti (16) 99138 6185 (andrea@verbo.jor.br)
Valter Jossi Wagner (16) 99152 2700 (valter@verbo.jor.br)
Colaboração: Juliana Castro, Alessandra Rotolo e Julio Fontes (redação@verbo.jor.br ou pauta@verbo.jor.br)
Data de inclusão: 25/05/2018
Fone: (16) 36108659
Contato: Verbo Nostro Comunicação Planejada
Empresa: #Verbo Nostro Comunicação Planejada
Entrar em contato: Entrar em contato
Grupo editorial: [Cidades][Eventos][Geral]
Este Release foi visto 223 vezes

Assessoria de Imprensa
LOGIN -  Inserir Release
Cadastrar Assessoria
Receber Clipping

 

saibamais

 

Clipping para Editores
Cadastrar Midia
Alterar cadastro de Midia
egoi
 
Alguns veículos cadastrados no clipping:
midias
 
 
 
 
 
 
  editora  

INCorporativa Comunicação

Publique seu livro - Saiba mais
   
       
       
       
 
       
 
Institucional
Quem Somos
Política Privacidade
Como funciona
 
Nas Redes Sociais  
Facebook Twitter
Linkedin ME Adiciona
 
Todo o conteúdo divulgado decorre de informações advindas das fontes mencionadas, sendo, portanto, de responsabilidade exclusiva da fonte ou do autor, não cabendo à INC Comunicação, à Revista ou Pautas INCorporativa responsabilidade por citações, teor, exatidão ou veracidade do conteúdo, produto ou serviço divulgado. Indicação de publicações são apenas para divulgação, não sendo avaliados por este veículo de comunicação.